Evangelho no Lar

Roteiro para Evangelho no lar:

1. Escolha um dia e horário da semana mais favorável para evitar interrupções.
2. Inicie com uma prece simples e espontânea, rogando a proteção dos Benfeitores Espirituais;
3. Um dos participantes faz a leitura em voz alta de um curto trecho de O EVANGELHO SEGUNDO O ESPIRITISMO, abrindo-o ao “acaso”, ou na ordem sequencial dos capítulos;
4. Os participantes devem em seguida fazer comentários, dar suas opiniões sobre o trecho lido, evidenciando o aspecto moral-evangélico do trecho lido. No total essa parte deve durar aproximadamente entre quinze a vinte minutos.
5. A seguir, um dos participantes faz uma rogativa a Deus, a Jesus e aos Espíritos do Bem, em favor da harmonia do lar e dos familiares encarnados e desencarnados, extensiva também à paz entre os povos; e encerra com um agradecimento aos benfeitores espirituais presentes.


RECOMENDAÇÔES PARA A PRÁTICA DO “EVANGELHO NO LAR”

a) O ideal é que todos os integrantes do lar participem. Mas se não for possível, o encontro deve ser realizado da mesma forma, com aqueles que desejarem e puderem. Na impossibilidade de todos os demais participarem, sempre será benéfica a sua realização ainda que com você sozinho.
b) Proporcione, na medida do possível, um exemplar do livro O Evangelho Segundo O Espiritismo para cada participante poder acompanhar a leitura do trecho escolhido.
c) O encontro tanto pode ser realizado ao redor de uma mesa, por exemplo na cozinha, ou na ou simplesmente sentados em um sala de visitas. Lembre que o médium Francisco Cândido Xavier, fazia encontros do Evangelho em Uberaba junto com os que o visitavam em ambiente externo, sob a sombra de um abacateiro. O mais importante é a realização em si do encontro com vontade sincera de realizá-lo.
d) Coloque uma jarra d’água, ou de preferência em copinho d’água no ambiente, para cada participante antes de iniciar o encontro. Tal prática permitirá aos benfeitores espirituais presentes “fluidificarem” (colocar energias espirituais do bem) para serem absorvidas através da ingestão da água após a prece de encerramento.
e) O encontro para a prática do “Evangelho no Lar” poderá ao longo do tempo incluir convidados, como vizinhos ou alguma visita.
f) Salvo raríssimas exceções, onde existam pessoas muito experientes e em caráter muito eventual, os encontros para a prática do “Evangelho no Lar” não devem permitir manifestações mediúnicas. O Lar não é o lugar adequado para tal, como é o Centro Espirita.




 
 
 
 

HOME | O SEMEADOR | A DOUTRINA | EVANGELHO NO LAR | REUNIÕES PÚBLICAS | PROGRAMAÇÃO | RÁDIO | NOTÍCIAS | CONTATO